o ensaio já começou

Nos textos servidos para o dia de hoje,
assistimos a inseguranças, a incertezas
de tempos, de espaços, de relações.

Lucas apresenta Paulo a criar uma rota de cidades
e a redefinir os seus interlocutores – cada vez mais improváveis.
João apresenta três vezes o mesmo enigma indecifrável,
entre ver Jesus, a sua ausência e a visão definitiva,
sugerindo nesse tempo de ausência, de busca,
ambiguidades entre tristeza, gozo e alegria.

É neste estado que o cristianismo das origens nos é apresentado:
gente e quotidianos de busca, de construção;
gente improvável que se revelam cuidadores,
espaços inesperados onde se lançam pontes entre semelhantes.

É esta a Páscoa que faz sentido ensaiarmos a cada passo
até sermos um.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.