o filipe que nos diz

Lembrando Tiago e Filipe
– Tiago, um íntimo que os textos nos habituaram a ter sempre presente -,
demoro-me em Filipe porque se apresenta como um explorador, um “buscador”,
rodeado de amigos exploradores também – como Nicodemos…

João aproxima-nos de Filipe,
conduz-nos pela mão a que nos identifiquemos com ele, com a sua busca.
Buscamos o Pai, a fonte da nossa semelhança, da nossa unidade,
a fonte do amor que gera vida,
a fonte do dom de si.

Revelamos o Pai quando mergulhamos na vida de Jesus,
revelamos o Pai quando mergulhamos na vida de Jesus-Caminho: quando nos vemos inacabados,
revelamos o Pai quando mergulhamos na vida de Jesus-Verdade: quando a nossa nudez é ponte,
revelamos o Pai quando mergulhamos na vida de Jesus-Vida: quando nos sentimos feitos por muitos e feitos para muitos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.